ENCONTRE SEU
PLANO DE SAÚDE
EM 30 SEGUNDOS!

ENCONTRE SEU PLANO DE SAÚDE EM 30 SEGUNDOS!

Qual o seu DDD?


ou ver Listas Patrocinadas

Como escolher um plano de saúde na sua cidade

doctorUm plano de saúde é um investimento que, atualmente, grande parte da população realiza. Foi-se o tempo em que planos particulares de saúde eram privilégios de parcelas mais abastadas da população: a grande variedade de empresas que oferecem esse tipo de serviço, aliada à competitividade do mercado, fez com que essas empresas desenvolvessem cada vez mais pacotes de serviços a preços cada vez menores.

É justamente essa grande variedade de serviços disponíveis que torna espinhosa a missão de escolher um plano de saúde. Qual empresa devo contratar? Qual plano devo escolher? Quanto devo pagar? Essas são algumas das principais questões que pairam sobre quem deseja contratar um plano de saúde para não ficar desamparado no caso de uma emergência médica.

Fatores climáticos e epidemiológicos da cidade devem ser considerados

Na hora de escolher a empresa de plano de saúde e o pacote a ser contratado, os consumidores levam em consideração fatores como eventuais predisposições genéricas (“meu bisavô, meu avô e meu pai sofreram disso, então eu vou sofrer também”), complicações médicas atuais ou planos para o futuro (como gravidez), mas poucos consideram condições importantes: as da cidade onde residem.

Essas condições podem desencadear questões de natureza médica e devem ser levadas em consideração no momento da contratação do plano de saúde. É interessante se preocupar, por exemplo, se a cidade onde se reside possui um clima predominantemente frio ou se atravessa constantes casos de surtos de doenças – um fator muito importante em épocas de surtos de dengue e febres generalizadas.

Mesmas empresas, serviços diferentes – dependendo da cidade

Outro aspecto a ser considerado na hora de contratar um plano de saúde na sua cidade é que as mesmas empresas podem oferecer serviços distintos dependendo da cidade.

É certo que, ao escolher uma grande empresa, reconhecida nacionalmente, o consumidor estará contando que receberá o serviço que fez com que aquela empresa ganhasse reconhecimento no país todo. A grande questão é que muitas dessas empresas possuem “divisões administrativas”, por assim dizer, o que significa que nem sempre o mesmo serviço prestado em um lugar é o mesmo em outro.

Evidentemente, elas são obrigadas a cumprir com o que está acordado no contrato, no tocante a coberturas, internações, etc. Mas é importante ter em mente que cada unidade da empresa possui sua própria administração.
A mero título de exemplo: a Unimed, que é uma cooperativa de médicos, surgiu com unidades descentralizadas espalhadas pelo Rio de Janeiro, e só foi encontrar um órgão “unificador” em 1972, quando foi fundada a Federação Rio. Ainda assim, porém, as unidades locais, isto é, localizadas nas cidades, são consideradas “singulares” e possuem autonomia.

Toda essa explicação foi feita para ressaltar que é importante realizar uma pesquisa sobre a eficiência das empresas na cidade onde você mora, ao invés de apenas levar em consideração a reputação da empresa nacionalmente. Em algumas localidades, existem empresas de plano de saúde que não possuem muita atenção ou renome mas que oferecem serviços eficazes e por preços agradáveis. Em todo o caso, a pesquisa antes de contratar é fundamental.